A distribuição de recursos para as instituições de longa permanência para idosos (ILPIs) com fins lucrativos foi pauta de reunião virtual na quinta-feira (9). O Núcleo de Residenciais Geriátricos do SINDIHOSPA — Moderna Idade participou de encontro com o secretário nacional de Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, Antônio Costa, do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Na conferência, foi abordada a Lei 14.018/2020, sancionada no dia 30 de junho, que destina auxíio financeiro da União de R$ 160 milhões para essas instituições, no combate à pandemia da covid-19. “Foi uma oportunidade para entendermos a norma, além de apresentar nossos pleitos e opinar sobre a forma de distribuição desses valores”, comenta o coordenador do Moderna Idade, Marcos Cunha, que representou o grupo ao lado de Cristiano Lisboa Martins, presidente da Comissão Especial dos Direitos da Pessoa Idosa da OAB/RS.

Estiveram presentes na reunião, ainda o presidente da Associação Brasileira do Cidadão Sênior (ABRACS), Mauro Moreira de Oliveira Freitas, também presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa da OAB/DF, e Ariane Angioletti, advogada e integrante da Comissão Nacional do Idoso do Conselho Federal da OAB.

Fechar Menu