No dia 3, Thiago Lopes, coordenador do Departamento de Residenciais Geriátricos do SINDIHOSPA, falou sobre como escolher um residencial geriátrico. Com o tema “Mudando de endereço para viver mais e melhor”, o palestrante ajudou os presentes com as seguintes questões: o que é um residencial geriátrico? Quais seus benefícios? Qual o custo-benefício? E a escolha e a decisão por um residencial.

“Entre esses tópicos, conversamos sobre o que o familiar deve observar quando estiver buscando um residencial geriátrico, o que ele deve perguntar durante sua visita, identificar o perfil de residencial que atende a sua necessidade e do idoso, entre outros”, explica Thiago. Na palestra foi utilizada a cartilha de como escolher um residencial geriátrico, elaborada pelo departamento e disponível no site ModernaIdade.com.br.
 
A segunda palestra do mês, no dia 17, contou com a presença do psiquiatra Eduardo Ferreira Daura, que abordou as alterações no comportamento na doença de Alzheimer (aspectos médicos). 
 
Além das reuniões na sede do SINDIHOSPA, o psiquiatra Eduardo Hostyn Sabbi, integrante do Departamento de Residenciais Geriátricos do sindicato, falou em palestra no Hospital Moinhos de Vento, dia 10, sobre "Como lidar com a agitação do paciente com Alzheimer”, uma condição neurodegenerativa em decorrência da doença.
 
Para Eduardo, estar bem preparado é de fundamental importância para enfrentar a alteração comportamental e as confusões inerentes ao quadro. “Os cuidadores e familiares são peça-chave no cuidado e condução do idoso adoecido por este árduo caminho. Saber manejar bem esses momentos propiciando melhores respostas representa evitar desgastes desnecessários e preservar a qualidade de vida de todos os envolvidos”, afirma.
 
O encontro contou com a presença da dra. Berenice Werle, presidente da SBGG/RS, e de estudantes do Colégio Auxiliadora, que se interessaram pelo tema na escola e buscaram a reunião para ampliar seus conhecimentos. Eles também compartilharam informações com os demais participantes.
Fechar Menu